Muitos Projetos

Olá pessoal, sei que estou muito sumido e a um bom tempo não escrevo. Tenho estudado muitas coisas e as vezes estou meio sem tempo para escrever… creio que não tenha dito por aqui mas a uns 9 meses estou trabalhando na Globo.com, com pessoas, ferramentas e projetos fodas. Estou muito feliz e tb não trabalhava tanto em uma empresa a muito tempo.

Algumas das coisas que vou escrever por aqui, ou melhor, no dominio novo do Coisas Comuns (que está em fase de construção e importação de dados) vão ser sobre.

  • Metodologias Ageis
  • Sinatra
  • Haml e Sass
  • Ruby (que ainda é minha linguagem preferia e tenho tentado aprender mais sobre ela a cada dia)
  • Python, Django e afins :-)

Faltaram alguns itens aqui que meu amigo Max lembrou

  • Vou continuar tentando escrever sobre Jquey
  • Scrum
  • Mono
  • e muitas outras coisas :-)

Bom pessoal, é muito assunto mas os novos posts vão ser no novo dominio, aqui vou sempre colocar um link para os novos posts.

Abs e obrigado por essa visita.

Rafael Martins


Meu primeiro plugin para jquery : toJsObjects

Olá pessoal, bom na última semana eu tive um problema no trabalho em que eu tinha que serializar elementos HTML em JSon, e estamos usando jquery, então a coisa mais comun foi buscar um plugin que atendese minha necessidade, e para meu espando eu não achei, tudo bem vou confessar que não procurei muito, mas vamos a novidade, com esse problema na cabeça, hoje (15/02/2009) na parte da manhã eu decidi escrever meu primeiro plugin para jquery, e ai nasceu o toJsObjects, para facil uso e sem moderação.. rsrsrsr

Vamos ao que importa, eu ouvi um “Como funciona ???”

É muito simples, vamos supor que você tenha uma DIV de ID = “comments” e dentro desta div, elementos de parágrafos , P, onde cada P tem um id igual ao id do comentário que está dentro do parágrafo.

E dentro deste cenário você quer retornar objetos que representrem os paragrafos, então é só fazer assim :

$(“#comments p”).toJsObjects(['id']);

Como retorno dessa chamada você vai ter um vetor de objetos contendo dois atributos, o ID e o Index, e ai você se pergunta, eu só passei o ID, como tem dois atributos ???

Por padrão o plugin adiciona um atributo Index, que é a posição do elemento retornado pela busca do jquery.

Endereço do projeto no github, toJsObjects.

ps 1: toJsObjects recebe como parametro os attributos que você que estejam dentro do objeto

ps 2: os parametros devem ser passados por vetor, mesmo sendo um único parametro.


EXTRA EXTRA – Mono 2.0

Mono 2.0

Mono 2.0

Olá pessoal, estou aqui só para informar que a versão 2.0 do Mono saiu, com várias atualizações como:

  • Compatibilidade total com ADO.NET, ASP.NET, Windows forms e outras APIs
  • Compatibilidade com C# 3.0 com suporte total a LINQ
  • Atualizações das bibliotecas do Mono

leia a notícia completa em

Mono 2.0


jQuery para uso diário – O que vocês querem ver ?

Olá pessoal, tudo blz ?

Minha idéia é a seguinte:

Vou deixar esse post para vocês possam dizer o que vocês querem, exemplos, de como pode se usar jQuery.
Coisas do tipo, quero ver um pop-up igual ao do site tal ou o efeito igual al site do fulano, na medida do possivel eu faço o tutorial e coloco aqui.

Só espero que essa idéia de certo.

vlw galera, abs – Rafael


js.Class – Uma forma diferente de se escrever js.

[Post escrito originalmente para o TBBGE, mas foi eu mesmo que escrevi.]

Olá pessoal.

O js.Class é um framework onde se pode escrever javascript de uma forma parecido com Ruby, usando classes, modulos, meta-programação e etc, implementando várias coisas que Ruby tem de bom.

js.Class

js.Class

Creio que esse framework tem um foco diferente dos atuais como jQuery, Prototype, entre outros. Pois o js.Class tenta lhe prover maior pode de desenvolvimento, e não maior facilidade de lidar com elementos e efeitos visuais (como jQuery ), com o crescimento do uso de Ajax e o aperfeiçoamento das máquinas virtuais de javascript (vide google V8 e novas implementações das mesmas pelas equipes do WebKit e da Mozilla), cada vez mais vamos ter aplicações totalmente desenvolvidas do lado do cliente, e esse tipo de framework vem sempre para ajudar.

<momento_jaba>

Não deixem de visitar o TBBGE

</momento_jaba>

abs – Rafael


jQuery e suas mágicas para uso diário

Bom pessoal, acho que já deu para perceber como eu gosto de jQuery, então vou mostrar como fiz um brincadeira simples e útil.

Quem nunca necessitou de mostrar um descrição de um campo em um formulário, como a imagem abaixo, então vou dar um exemplo que não levou mais de cinco minutos e ficou muito fácil de usar.

Imagem tirada do desevolvimento do CriandoRPG

Imagem tirada do desevolvimento do CriandoRPG

A um bom tempo eu faço meus formulários com listas (é UL e LI mesmo) seguindo o seguinte modelo:

Estrutura básica para formulários

Estrutura básica para formulários

Bom, para conseguir a descrição tive que adicionar um pequeno item no html, que assim tenhamos lugar para colocar a descrição do campo, então a nova estrutura ficou assim:

Formulário com descrição

Formulário com descrição

Bom, mas como nem só de Html é feito o mundo, abaixo segue o css, mas prestem atenção a um fato, o position está colocado como absolute e esse é um detalhe muito importante, é por essa fato que quando colocamos o margin-left a descrição fica ao lado da caixa de texto, e por cima do conteúdo da direita se houver.

Código CSS

Código CSS

Vamos agora para o código do jQuery, vou explicar com muitos detalhes, para que nada passe em branco.

JQuery

JQuery

Vamos lá, é bom se acostumar com o fato de jQuery trabalhar com funções como parâmetro, é estranho no começo. Vamos a explicação:

  • A linha 1 serve para que esse código seja carregado sempre quando uma página inicia sua execução, por isso o parâmetro para o jQuery é document.
  • Na linha 3 é usado um parâmetro usando uma notação CSS que diz o seguinte. Para cada LI, que está dentro de cada UL com o atributo classe com valor igual a formulario.
  • Ainda na linha é usado uma função chamada EACH, que vai executar o trecho de código dentro dela, para cara item encontrado, baseada na expressão CSS.
  • Na linha 5, estamos definindo que no mouse ouver vai acontecer algo.
  • Na linha 6, estamos buscando algum elemento que tenha a CLASSE igual a DESCRIPTION, e estamos exibindo esse elemento.
  • nas linhas 8 e 9 estamos dando continuidade ao comportamento, definindo que no MOUSEOUT o elemento que a CLASSE igual a DESCRIPTION vai ficar escondido.

Bom pessoal, acho que dessa fez foi um artigo grande… rsrsrs

Espero o retorno de vocês, se gostarem prometo que escrevo mais sobre jQuery e suas mágicas para uso diário.

até depois, Rafael Martins.


Colaborando em outro blog….

Olá pessoal tudo blz ?

Sei que estou a um bom tempo se escrever por aqui, mas aceitei colocar com um blog formado pelo pessoal do trabalho, que é o TBBGE

Bom eu já escrevi duas matérias lá que são as seguintes

Então é isso pessoal, toda vez que eu escrever lá, eu posto aqui, e visitem o TBBGE

abs – Rafael Martins


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.